Crônicas Absurdas de Segunda

Uma seleção de textos do autor publicados, entre 2007 e 2010, no caderno “Vida & Arte” do jornal O Povo. Neles, Netto visita e apresenta a cidade, a reconhece e a provoca por meio da fala (e dos sentimentos) de seus escritores, principalmente os cronistas, contemporâneos ou não, que encontra em bancos de praça, nos ônibus, em parques, nas casas mutiladas, cemitérios ou em meio a desastres e hecatombes de proporções aparentemente absurdas.

Quer falar com a gente?

Envie-nos uma mensagem e siga-nos nas redes sociais.

PACOTE DE TEXTOS | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © | 2021